terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Em Chamas por Suzanne Collins

22222

Título original: Catching Fire


Autor (a): Suzanne Collins


Ano de lançamento: 2009


Número de páginas: 413


Gênero: Ficção, ação, drama



Depois do improvável e inusitado resultado dos últimos Jogos Vorazes, algo parece ter mudado para sempre em Panem. Aqui e ali, distúrbios e agitações nos distritos dão sinais de que uma revolta é iminente. Katniss e Peeta, representantes do paupérrimo Distrito 12, não apenas venceram os Jogos, mas ridicularizaram o governo e conseguiram fazer todos - incluindo o próprio Peeta - acreditarem que são um casal apaixonado. A confusão na cabeça de Katniss não é menos do que a das ruas. Em meio ao turbilhão, ela pensa cada vez mais em seu melhor amigo, o jovem caçador, Gale, mas é obrigada a fingir que o romance com Peeta é real. Já o governo parece especialmente preocupado com a influência que os dois adolescentes vitoriosos - transformados em verdadeiros ídolos nacionais - podem ter na população. Por isso, existem planos especiais para mantê-los sob controle, mesmo que isso signifique forçá-los a lutar novamente.

Uma leitura perfeita. Fiquei bastante contente em estar lendo esse segundo volume da trilogia Jogos Vorazes, Em Chamas. Como não se apaixonar por um livro como esse? Difícil explicar como era estar lendo essa bela obra de Suzanne Collins. Sempre fui apaixonado pela saga, sendo assim, Em Chamas me prendeu completamente. Acho impossível decidir qual dos dois é melhor, o primeiro ou o segundo volume, ambos são especiais e únicos, são perfeitos. Feliz estou de estar lendo uma nova saga que mexe muito comigo (no bom sentido).


Jogos Vorazes tem minha grande admiração por vários motivos: os seus personagens, o gênero de sobrevivência e ficção e, o melhor de todos, a guerra contra a Capital. A luta contra o governo, o desafio. Neste segundo volume, Katniss está melhor do que nunca. Ela desafia a Capital como nunca havia feito, a não ser no final do primeiro Jogos Vorazes (se você leu o primeiro volume sabe do que estou falando). Ah, e é claro, a Capital também está pior do que nunca, punindo os cidadãos dos Distritos mais e mais.


Katniss e Peeta, o casal mais voraz existente. O casal obrigado a fingir um relacionamento sério para realizar os desejos da Capital, ambos personagens especiais dignos para nossa querida Suzanne Collins. Sinto um tanto de pena dos dois neste Em Chamas, mas num momento que estou a sentir pena do casal em outro já estou orgulhoso das façanhas que eles preparam. Katniss com o seu tordo revolucionário motivando todos os Distritos, uma personagem adorável e Peeta, o guerreiro apaixonado. Ele está um pouco abobalhado nesse segundo volume, mas nada que o impeça de pegar fogo.


Em Chamas nos enlouquece no seu final. Digo que é difícil estar escrevendo aqui sem revelar algo, sem dar algum spoiler pela resenha. O final nos deixa estupefatos, não que seja ruim, é claro, mas por causa de tamanha surpresa apresentada. Assim que terminamos, temos vontade de começar A Esperança (terceiro e último volume) na mesma hora. Se estou ansioso? Muito! Já já terminarei mais essa trilogia que já me encantou assim como está encantando milhares de pessoas no mundo.

7 comentários:

  1. Em Chamas é perfeito, um dos melhores livro que li ano passado com toda certeza.

    Abração!

    http://livronasmaos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei feliz em ter terminado com chave de ouro 2012, Markos. Em Chamas é ótimo, difícil não gostar deste segundo volume. Agora é atacar A Esperança, espero que seja tão bom quanto.

      Abraços!

      Excluir
  2. Estou lendo Em Chamas e amando! Jogos Vorazes já foi incrível, imagina a continuação?! Essa trilogia tem tudo pra ser uma das melhores!

    Beijo,
    http://entaoqsd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É perfeita, não é mesmo? Já estou lendo agora o terceiro e último volume que está surpreendente. Pena que vou sentir saudades quando terminar a trilogia.

      Abraços!
      :)

      Excluir
  3. Oi Vini, tudo bem?
    Jogos Vorazes é simplesmente uma das melhores sagas da atualidade. E a prova de que para escrever grandes livros não são necessárias palavras rebuscadas, capítulos grandes ou trezentos livros. Não consigo sequer escolher o meu favorito >.< Mas em Em Chamas o que eu mais gostei, com toda a certeza, foi o final. Gente! Que fim surpreendente foi aquele?
    Adorei a resenha porque é realmente muito difícil escrever sobre Jogos Vorazes sem dar um único spoiler :)
    PS: Acabei de conhecer seu blog e adorei! Estou seguindo.

    Beeijo
    http://estoriasdacarter.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jéssica!
      Assim como você também estou apaixonado e vidrado nesses três livros de Suzanne Collins, Jogos Vorazes é o sucesso do momento! Você disse tudo, Collins consegue nos surpreender bastante com sua forma de escrever, não sendo tão radical, ela fez uma das melhores estórias criadas. Sem palavras para descrever o final de Em Chamas, né? Só digo uma coisa >> PERFEIÇÃO !!
      Seja muito bem vinda ao Um Jovem Leitor, Jéssica!
      Saiba que já estarei visitando o seu blog também. ;)

      Beijos!
      Vini

      Excluir
  4. Realmente bem dificil de comentar qual dos dois livros é o melhor e o final... Então, quem leu sabe oque estou falando kkkk abraço vini!

    ResponderExcluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :I :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

Pode comentar a vontade! Diga se gostou da postagem,
se ela te trouxe alguma inspiração ou coisa parecida!
Sempre irei responder os seus comentários!
O Um Jovem Leitor agradece.
Abraço a todos!
Vini.